"Só com a leitura um povo pode se tornar forte em sua cultura." (Rodrigo Poeta)

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

VIIº CONCURSO POESIARTE DE POESIA


VIIº CONCURSO POESIARTE DE POESIA

REGULAMENTO

1.Participantes:

Poderão participar do concurso moradores do município de Cabo Frio e demais municípios do Brasil.

1.1. A idade mínima para participação do concurso é de 10 anos de idade.

1.2. Serão aceitas inscrições internacionais, sendo que os poemas inscritos sejam escritos em língua portuguesa.


2. Período de inscrição:

2.1. Início: 07 de dezembro de 2012.
Término: 07 de janeiro de 2013.

2.2. Os trabalhos deverão ser entregues para:

Acadêmico Rodrigo Octavio Pereira de Andrade.
Endereço:
Rua Jorge Lóssio, n°1478.
Bairro Vila Nova.
Cidade: Cabo Frio/RJ.
CEP. : 28907-015.

2.3. As inscrições serão aceitas até o dia 07 de janeiro de 2013 ou enviadas por Correio até a mesma data, valendo o carimbo postal como comprovante do prazo.

2.4.  As inscrições poderão ser feita via e-mail. Enviar até a da limite para: 


3. Modalidade:

3.1- Poesia – 1 (uma) por concorrente, com o máximo de 3 (três) laudas (folhas).

4. Tema: ÁRVORE DA VIDA.

4.1. O objetivo do tema é estimular a criatividade dos participantes, levando-os a uma reflexão sobre a vida e o meio ambiente.

"Toda árvore ganha beleza quando tocada pelo sol."

(Rumi)

5. Textos:

5.1. Deverão ser escritos em língua portuguesa, digitados em papel branco A4, de um só lado da folha em fonte Arial ou Times New Roman, tamanho 12, espaço 1,5, em 5 (cinco) vias(cópias).

5.2. Não serão aceitos trabalhos manuscritos. (ver item 3.1)

5.3. Os trabalhos deverão ser inéditos, isto é, ainda não publicados em nenhum meio de comunicação ou em livro e principalmente por sites ou blogs na internet.

5.4. Os textos deverão conter exclusivamente o título da obra e o pseudônimo do autor.

5.5. Os pseudônimos não deverão guardar qualquer semelhança com o nome, apelido ou outro fator de identificação do concorrente, pois se houver o inscrito será eliminado.

6. Apresentação dos trabalhos – Envelope e Via Email.

6.1. Os trabalhos deverão ser enviados dentro de um envelope endereçado da seguinte maneira:

VII° CONCURSO POESIARTE DE POESIA
Para: Acadêmico Rodrigo Octavio Pereira de Andrade.
Endereço:
Rua Jorge Lóssio, n°1478.
Bairro Vila Nova.
Cidade: Cabo Frio/RJ.
CEP. : 28907-015.
No remetente deverá vir escrito o nome do autor e o endereço.

6.2. O pseudônimo não poderá vir escrito no exterior do envelope.

6.3. Todas as folhas dos trabalhos deverão conter apenas o pseudônimo no rodapé, sem assinatura ou qualquer tipo de identificação.

6.4. A ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada deverá vir dentro do envelope.

Modelo de ficha de inscrição:

Nome completo:

Cidade de origem:

Data de nascimento:

Cidade que representa:

Atividade: (Profissão).

Título do poema:

Pseudônimo:

Site ou blog:

Email:

Uma foto, pois o primeiro colocado terá uma caricatura feita pelo grande chargista e caricaturista Zel Humor. Se for via email, envie a foto digitalizada.

6.5. Não haverá devolução dos trabalhos recebidos.

6.6. Os trabalhos que não obedecerem às regras estipuladas serão automaticamente desclassificados.

6.7. Os poemas enviados por via email deverão estar em documento Word, seguindo as especificações do item 5.1.

7. Julgamento:

7.1. O corpo de jurados será formado por profissionais da área, altamente qualificados e designados pela Comissão Organizadora do Concurso, que serão conhecidos e apresentados brevemente no blog:


7.2. As decisões do júri são soberanas e irrecorríveis.

7.3. Serão ainda critérios para julgamento:

7.4. Demonstrar conhecimento da linguagem. Seguindo os seguintes itens: conotação (figuras de linguagem), intertextualidade, ritmo, vocabulário e criatividade.

7.5. Manter o texto dentro das dimensões propostas no Regulamento.

7.6. Não serão aceitos temas pornográficos, preconceitos de cor, raça, religião e etc. Desta forma, a poesia será imediatamente vetada.

7.7. A comissão organizadora decidirá sobre as omissões deste regulamento, depois de ouvida a opinião do júri.

8. Divulgação dos resultados:

A divulgação dos poemas inscritos com os seus pseudônimos será feitas através do blog do concurso, que também divulgarão o resultado final do mesmo nos seguintes links:





9. Premiação:

9.1. O primeiro colocado receberá um diploma, o livro SOBRE AS ONDAS de Celise Reis, medalha de ouro e uma caricatura do Mestre Zel Humor .

9.2. O segundo colocado receberá um diploma, o livro ATALHO PARA O BANQUETE de Carmen Cardin e medalha de prata.

9.3. . O terceiro receberá um diploma, o livro ATALHO PARA O BANQUETE de Carmen Cardin e medalha de bronze.

Obs.: Caso no decorrer do concurso a comissão organizadora possa adquirir patrocínios os prêmios serão mais pomposos com a realidade do concurso.

9.4. O júri poderá indicar ainda duas menções honrosas, que receberão certificados.

9.5. Em nenhum dos níveis de premiação será permitido o empate.

10. Disposições Gerais:

10.1. O PROJETO POESIARTE se reserva no direito de publicar poemas, vencedores ou não, em livros, ficando explícito que o ato de inscrição através da ficha implica em autorização para publicação.

Cabo Frio,  06 de dezembro de 2012.

Rodrigo Octavio Pereira de Andrade (Rodrigo Poeta)
Coordenador do Concurso POESIARTE.



POESIARTE EM FOCO 2012



DESTAQUE DA COMUNIDADE

2006- ARTUR GOMES DE CAMPOS DO GOYTACAZES/RJ.
2007- SELMO VASCONCELLOS DE PORTO VELHO/RO.
2008- GILDINA RORIZ DE GOIÂNIA/GO.
2009- ELAINE MELLO DE RIO DAS OSTRAS/RJ.
2010- MÍRIAN WARTTUSCH DE SÃO PAULO/SP.
2011- ROLDÃO AIRES JOAQUIM DE SÃO PAULO/SP.
2012- NICE VENTURA DE IGUABA GRANDE/RJ.


REVELAÇÃO DA COMUNIDADE

2006- FÁBIO EMECÊ DE CABO FRIO/RJ.
2007- DIOGO CORDEIRO DE CABO FRIO/RJ.
2008- LÚCIA GOMES DE IGUABA GRANDE/RJ.
2009- ALEX FEITOSA DE CABO FRIO/RJ.
2010- ANA PAULA MARINHO DE CABO FRIO/RJ.
2011- TERESA NOGUEIRA OLIVEIRA DE CABO FRIO/RJ.
2012- ANTHONY MOHAMMAD ABU KALIL DE SÃO PAULO/SP.

DESTAQUE DO BLOG:

2006- CLÁUDIA GONÇALVES DE PORTO ALEGRE/RS.
2007- SIRLEI PASSOLONGO DE CIANORTE/PR.
2008- LUIZA CAETANO DE MAFRA/PORTUGAL.
2009- SELMO VASCONCELLOS DE PORTO VELHO/RO.
2010- NICE VENTURA DE IGUABA GRANDE/RJ.
2011- LEILA MARQUES BUENO DE MENDONÇA/SP E ATAÍDE LEMOS DE SÃO PAULO/SP.
2012- CARMEM CARDIN DO RIO DE JANEIRO/RJ.

CONCURSO POESIARTE

2007- 1º LUGAR: SIRLEI PASSOLONGO DE CIANORTE/PR.
2008- 1º LUGAR: DIOGO CORDEIRO DE CABO FRIO/RJ.
2009- 1º LUGAR: SONIA NOGUEIRA DE FORTALEZA/CE.
2010- 1º LUGAR: PERPÉTUA AMORIM DE FRANCA/SP.
2011- 1º LUGAR: AMARO PEREIRA DE RIO PRETO/MG.
2012- 1º LUGAR: GERALDO TROMBIN DE AMERICANA/SP.

quinta-feira, 7 de junho de 2012

DADOS DO VI° CONCURSO POESIARTE


*O CONCURSO POESIARTE DE 2012 TEVE 102 INSCRITOS. UM PROJETO COM TRANSPARÊNCIA.

VEJAMOS A RELAÇÃO DE TODOS OS INSCRITOS VALIDADOS A PARTICIPAR DESTA EDIÇÃO:


1-GERALDO TROMBIN.
*POESIA: CANTO DA PÁGINA.
*CIDADE: AMERICANA/SP.

2-LOHAN LAGE PIGNONE.
*POESIA: BILACACOS DA ARTE.
*CIDADE: TRAJANO DE MORAES/RJ.

3-SARAH DE OLIVEIRA.
*POESIA: FÊMEA.
*CIDADE: CAMPINAS/SP.

4-LUIZ POETA.
*POESIA: INSTINTO ANIMAL.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

5-FLAVIO MACHADO.
*POESIA: BOSSA NOVA.
*CIDADE: CABO FRIO/RJ.

6-ANDRÉ KONDO.
*POESIA: VELHOS POETAS.
*CIDADE: JUNDIAÍ/SP.

7-ROQUE ALOÍSIO WESCHENFELDER.
*POESIA: LIBERTAÇÃO.
*CIDADE: SANTA ROSA/RS.

8-LUIZ RENATO SEMIN.
*POESIA: TANTA VIDA.
*CIDADE: SÃO PAULO/SP.

9-CORACY TEIXEIRA BESSA.
*POESIA: SEMANA POÉTICA.
*CIDADE: SALVADOR/BA.

10-ANTÓNIO JOSÉ BARRADAS.
*POESIA: A JANELA DO MEU QUARTO.
*CIDADE: PAREDE - PORTUGAL.

11-PEDRO LAURENTINO.
*POESIA: URUBU.
*CIDADE: TERESINA/PI.

12-SANDRO HENRIQUE.
*POESIA: SENTADO NUM BANCO DE PRAÇA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

13-JONATHAN GONÇALVES.
*POESIA: OLHOS DE CORTINA.
*CIDADE: MAGÉ/RJ.

14-ELIABE GOMES.
*POESIA: SALVE MULEQUE.
*CIDADE: SÃO PAULO/SP.

15-LEDIENE NUNES.
*POESIA: SOLUÇO.
*CIDADE: BELO HORIZONTE/MG.

16-PAULO ROBERTO DA SILVA FRANCO.
*POESIA: COMO SE UM TANGO BASTASSE.
*CIDADE; RIO DE JANEIRO/RJ.

17-TATIANA ALVES SOARES CALDAS.
*POESIA: IMAGO.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

18-MARIO RABELO DE REZENDE.
*POESIA: MEU DIA É ASSIM.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

19-CRIS DAKINIS.
*POESIA: EUFORIA.
*CIDADE: SÃO PEDRO DA ALDEIA/RJ.

20-HILDA GIULLIAN TELLES.
*POESIA: DE UM DOM AO TOM.
*CIDADE: BELO HORIZONTE/MG.

21-FANY AKINOL.
*POESIA: A QUEM?
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

22-RÔMULO CÉSAR LAPENDA RODRIGUES DE MELO.
*POESIA; NADA O CORTADÔ.
*CIDADE: RECIFE/PE.

23-LEONARDO ARAÚJO OLIVEIRA.
*POESIA: CANTADA COMUM.
*CIDADE: VITÓRIA DA CONQUISTA/BA.

24-MAX LIMA DA SILVA.
*POESIA: CANDO DE ADEUS.
*CIDADE: MAGÉ/RJ.

25-FRANCISCO FERREIRA.
*POESIA: CADÊ.
*CIDADE: BETIM/MG.

26-ELIAS ARAÚJO.
*POESIA: POESIA EM 3D.
*CIDADE: AMÉRICO BRASILIENSE/SP.

27-EDIVÂNIA TAVARES DA SILVA.
*POESIA: ESCRITURAS.
*CIDADE: SÃO BERNARDO DO CAMPO/SP.

28-JANAÍNA SANTOS BARROSO.
*POESIA: QUANDO VAMOS NOS ENCONTRA?
*CIDADE: SÃO BERNARDO DO CAMPO/SP.

29-LILIAN SOUZA DE ARAÚJO.
*POESIA: LIVRO.
*CIDADE: ANÁPOLIS/GO.

30-LETTÍCIA CECY CORREIA.
*POESIA: MORRENDO DE AMOR.
*CIDADE: PARANAGUÁ/PR.

31-PAULO FRANCO.
*POESIA: AS CERCAS.
*CIDADE: RIBEIRÃO PIRES/SP.

32-JOÃO PAULO LOPES DE MEIRA HERGESEL.
*POESIA: ISQUEIRO DE OURO.
*CIDADE: SOROCABA/SP.

33-ERITÂNIA CASTRO MACHADO SOUSA.
*POESIA: A FOME.
*CIDADE: RIO BRANCO/AC.

34-JOSÉ ANTONIO DA SILVA.
*POESIA: CORPO E ALMA.
*CIDADE: CABO FRIO/RJ.

35-ANGELA MARIA CHAGAS ARAÚJO.
*POESIA: POESIA BRASILEIRA.
*CIDADE: NITERÓI/RJ.

36-ELIZABETH SANTOS AZEVEDO COUTINHO FRANCO.
*POESIA: VIDA DE UM POETA.
*CIDADE: SÃO PEDRO DA ALDEIA/RJ.

37-RAFAEL DE FREITAS SILVA.
*POESIA: A HORA, A CASA, A PAGA E A VIDA.
*CIDADE: QUEIMADOS/RJ.

38-MARIA GRACIELMA DE OLIVEIRA RODRIGUES.
*POESIA: PESADELO.
*CIDADE: VALINHOS/SP.

39-CELMA LAVAQUIAL CAPECHE.
*POESIA: INEBRIANTES SENSAÇÕES.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

40-ODYLA PAIVA.
*POESIA: SONHO E DESEJO.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

41-DILMA BARROZO RIBEIRO LOPES.
*POESIA: QUITANDEIRA DE PALAVRAS.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

42-SONIA MARIA DITZEL MARTELO.
*POESIA: A NATUREZA E O HOMEM.
*CIDADE: PONTA GROSSA/PR.

43-THIAGO JEFFERSON DOS SANTOS GALDINO.
*POESIA: A NOITE NATALINA.
*CIDADE: MOSSORÓ/CE.

44-AMÉLIA MARCIONILA RAPOSO DA LUZ.
*POESIA: DUELO.
*CIDADE: PIRAPETINGA/MG.

45-ROSANA BANHAROLI.
*POESIA: HERANÇA.
*CIDADE: SANTO ANDRÉ/SP.

46-PEDRO GUSTAVO FARIA NUNES.
*POESIA: AUTO-EXÍLIO NA AMAZÔNIA OCIDENTAL.
*CIDADE: RIO BRANCO/AC.

47-OSWALDO PULLEN PARENTE.
*POESIA: O SABIÁ.
*CIDADE: BRASÍLIA/DF.

48-SILVIO BIAGIO PARISE.
*POESIA: O NOSSO JEITO DE SER.
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

49-JANETE FARIA.
*POESIA: SONHO.
*CIDADE: CABO FRIO/RJ.

50-ANTÔNIO FRANCISCO CÂNDIDO.
*POESIA: AMANDO EM SEGREDO.
*CIDADE: CONGONHAL/MG.

51-KARINA SUELEN NASCIMENTO SANCHES.
*POESIA: O VERDADEIRO AMOR ESTÁ SENDO DILUÍDO?
*CIDADE: CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM/ES.

52-MARIA APARECIDA DE ALMEIDA MELO.
*POESIA: RECANTO DA ALMA.
*CIDADE: SÃO PAULO/SP.

53-EDWEINE LOUREIRO DA SILVA.
*POESIA: APOCALIPSE.
*CIDADE: SAITAMA - JAPÃO.

54-JUAREZ NARCIZO VOLOTÃO JÚNIOR.
*POESIA: PENSO EM TI.
*CIDADE: CABO FRIO/RJ.

55-DENNYS DA SILVA REIS.
*POESIA: MARCOS.
*CIDADE: BRASÍLIA/DF.

56-FERNANDO AIRES.
*POESIA: HÁ QUEM FAÇA.
*CIDADE: SÃO PAULO/SP.

57-ROLDÃO AIRES.
*POESIA: LINDA MARIPOSA.
*CIDADE: SÃO PAULO/SP.

58-MARCO AURÉLYLO CORDEIRO SANTOS LOMEN.
*POESIA: A CIRANDA.
*CIDADE: GOIÂNIA/GO.

59-JUSSÁRA C. GODINHO.
*POESIA: DE DOMÍNIO PÚBLICO.
*CIDADE: CAXIAS DO SUL/RS.

60-BÁRBARA SOARES PINHEIRO SOUZA.
*POESIA: O QUE É ISTO?
*CIDADE: RIO DE JANEIRO/RJ.

61-PERPÉTUA AMORIM.
*POESIA: A MENINA E O MAR.
*CIDADE: FRANCA/SP.

62-DANIEL ALVES DE OLIVEIRA.
*POESIA: ENTREVISTA COM UMA MÃE QUE ESPERA.
*CIDADE: SABARÁ/MG.

63-MARCELO DE OLIVEIRA SOUZA.
*POESIA: A PALAVRA.
*CIDADE: SALVADOR/BA.

64-MARCELO MAIO COELHO.
*POESIA: SOB ESTRELAS PINTADAS EM UM CÉU DE ISOPOR.
*CIDADE; BRASÍLIA/DF.

65-ELIZA AUGUSTA GOUVEIA GREGIO.
*POESIA: ESPERA...
*CIDADE: SÃO JOÃO DA BOA VISTA/SP.

66-PEDRO S. LOPES.
*POESIA: O QUE É?
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

67-JOSÉ AGOSTINHO.
*POESIA: RÁPIDO, FORTE E RESISTENTE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

68-THIAGO VIANA.
*POESIA: A TINTA DA CANETA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

69-MAYARA RAPOSO.
*POESIA: A MENINA DA JANELA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

70-AMÓS VIEIRA.
*POESIA: O BONÉ.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

71-YAN DA COSTA PINTO.
*POESIA: HERANÇA DE FAMÍLIA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

72-ALINA MACHADO.
*POESIA: NÃO CABE NO POEMA...
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

73-GEORGIA FRADICO TEIXEIRA.
*POESIA: FELICIDADE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

74-LETÍCIA B. DE CASTRO.
*POESIA: DOCES E TRAVESSURAS.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

75-SAMANTHA DOS SANTOS RIBEIRO.
*POESIA: A ARTE E A VIDA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

76-NATHÁLIA RAFAELLA.
*POESIA: AMIGOS.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

77-AMANDA REBELO.
*POESIA: O TEMPO.
*CIDADE: SÃO PEDRO DA ALDEIA/RJ.

78-MONIZA MIRANDA.
*POESIA: POR QUÊ?
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

79-LUIZA HELLENA.
*POESIA: VOCÊ.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

80-BEATRIZ NOGUEIRA.
*POESIA: O DESASTRE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

81-LARISSA BROEDEL.
*POESIA: VERSOS.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

82-MATHEUS CALDAS.
*POESIA: VERÃO.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

83-PEDRO WILSON.
*POESIA: PAZ.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

84-NATAN BOECHAT.
*POESIA: NATUREZA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

85-JULIANA COCK.
*POESIA: AMOR.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

86-HANNA MIRANDA.
*POESIA: LIBERDADE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

87-CAROLLYNE.
*POESIA: NATUREZA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

88-YASMIN MACHADO.
*POESIA: AMIZADE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

89-EDUARDA OLIVEIRA.
*POESIA: HUMILDADE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

90-VANESSA COELHO.
*POESIA: CÉU.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

91-NATHALLY.
*POESIA: ANTIGAMENTE.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

92-IGOR VIEIRA.
*POESIA: ORIGINAIS DO SONHO.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

93-LEANDRO DOS S. DE OLIVEIRA.
*POESIA: ORIGINAIS DO SONHO.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

94-JÉSSICA FAGUNDES.
*POESIA: OS LADOS DA VIDA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

95-MATHEUS A. FRANCESCHI.
*POESIA: O PESO DAS PALAVRAS.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

96-SUELLEN.
*POESIA: SONHAR.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

97-PEDRO EDUARDO.
*POESIA: A IMAGINAÇÃO.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

98-MATEUS MARINHO.
*POESIA: O HOMEM E A VIDA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

99-GABRIELA ALVES.
*POESIA: REALIZAR.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

100-ISABEL CORA.
*POESIA: O PESO DAS PALAVRAS.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

101-MAYARA PERINEI.
*POESIA: SONHOS NA AREIA.
*CIDADE: ARARUAMA/RJ.

102-RICARDO FERREIRA GUEDES.
*POESIA; PÔR-DO-SOL.
*CIDADE: IGUABA GRANDE/RJ.




sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

1°lugar no VI° CONCURSO POESIARTE



1º lugar: Geraldo Trombin.
- Poesia: Canto da Página.
- Pseudônimo: GZIN.
- Cidade: Americana-SP.
- Pontuação: 504.

-Vejamos o poema:


CANTO DA PÁGINA

No canto da página
Um canto torto, áfono.
Uma borda (re)virada,
Orelha (ab)surda,
Sem dar ouvidos
A nada!

No canto da página,
Aba que desaba
A linha da vida.
Indefinida.
Interrompida.
Uma pauta
Iletrada,
Sem assunto,
Sem nada!

Um vão simétrico
Milimétrico,
Quilométrico,
Nas entrelinhas
Do dia.
E mais nada!

No canto da página,
Plangente alta-alvura.
Ansiedade folheada à procura
Da canetada perfeita,
Da grafitada explosiva,
Da ideia fluida,
Da eclosão de cada um dos sentidos,
De todo o sentimento,
Da sua íntegra transcrição.
Uma mancha ínfima que seja
No papel da história.
E nada de nada!

No canto da página,
Quantas arestas
De uma melodia vazia,
Entaladas
Na quina da garganta
Que regurgita
Suas ausências
Assim do nada!

No canto da página,
Simplesmente
Um branco pleno, eterno,
Ainda a ser rascunhado,
Preenchido
Pelos seus encantos
Ou, por que não,
Seus temíveis desencantos!
Mas, que nada!

(Pseudônimo: GZIN)

2°lugar no VI° CONCURSO POESIARTE




2º lugar: Lohan Lage Pignone.
- Poesia: Bilacacos da arte.
- Pseudônimo: Manuel Moraes de Andrade.
- Cidade: Trajano de Moraes-RJ.
- Pontuação: 476.


-Vejamos o poema:




Bilacacos da arte

Tome uma pílula
Verde, amarela, vermelha
Coma uma vírgula
Provoque uma centelha
Incêndio! Queimem os compêndios
Lusitanos, acadêmicos
Doe sangue às veias
Deste senhorio anêmico
Quebremos o vaso de Bilac
Façamos poesia com seus bilacacos
Transforme a desgraça alheia
Em arte.
Me dá um cigarro agora,
E terá feito sua parte.
Desastre. Desartes.
A arte mora nos prefixos que a negam.
As letras não querem ser empregadas
Letra se demite a cada página virada.
Vire a página.
Marque-a de orelha,
Nariz, boca, coração.
Literatura é a vida que se doa,
Doa como doer.



(Pseudônimo: Manuel Moraes de Andrade)

3°lugar no VI° CONCURSO POESIARTE




3º lugar: Sarah de Oliveira.
- Poesia: Fêmea.
- Pseudônimo: Katita.
- Cidade: Campinas-SP.
- Pontuação: 473.


-Vejamos o poema:



Fêmea

Ela está na Gênese, na essência
E tece a rede diáfana da existência.
Ela está na meiguice, no amor,
No invólucro que sangra
Está no ventre que gera, que dá a vida,
No seio que alimenta,
Nos braços que embalam, no colo que aconchega.
Ela está na cantiga de ninar,
Está no pranto que desce dos olhos,
Duas janelas d’ alma, com mãos
Impregnadas de luas milenares.
Ela é profana... É sagrada...
Pacífica, guerreira, dócil e feroz.
Ela é verbo e é serenidade,
Composição de toda a oração.
Ela é cais, ela é barca atracado,
Velas ao vento, nau à deriva.
Penélope que espera...Que tece...
Que semeia sóis, luares e poesias
Nas pedras sedimentadas.
Ela é o princípio e o fim
Da trajetória e o fim
Da trajetória do existir.

(Pseudônimo: Katita)

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

4°lugar no VI° CONCURSO POESIARTE





4º lugar: Luiz Poeta.
- Poesia: Instinto Animal.
- Pseudônimo: PIVETIN.
- Cidade: Rio de Janeiro-RJ.
- Pontuação: 454.


-Vejamos o poema:



INSTINTO ANIMAL

Nas lâminas das presas que há nas feras,
Os sonhos são sublimes primaveras
Que esmagam-se em trôpegas gargantas;
Os olhos do poeta são esferas
Etéreas, tão repletas de quimeras,
Aéreas como o pólen de umas plantas.

O sonho que a traqueia regurgita,
Desmaia no silêncio que o habita
E instala-se na emoção mais pura
Que move todo ser que ainda acredita
Que toda fantasia infinita
Depende só de um toque de ternura.

Mas na fisiologia vã que existe,
No instinto animal que ainda resiste,
A gula se antepõe ao que tem fome
E as presas venenosas sempre em riste,
Distraem todo ser que fica triste
E esquece a identidade e o sobrenome.

A casta se organiza enquanto a turba
Confunde-se com o medo que a perturba
E espalha-se qual larva viva e tosca,
Trocando o seu voo de passarinho
Por um inseto torpe e tão sozinho
Que adquire as asas de uma mosca.

No topo da camada alimentícia,
Onde o brasão é arma vitalícia
Da gosma que percorre seus caninos,
Uma vontade mórbida que anseia
Matar o ser que ainda devaneia
Constrói a sedução dos assassinos.
...

 (Pseudônimo: PIVETIN)


5°lugar no VI° CONCURSO POESIARTE



5º lugar: Flavio Machado.
- Poesia: bossa nova.
- Pseudônimo: Alma Junior.
- Cidade: Cabo Frio-RJ.
- Pontuação: 453.


-Vejamos o poema:




bossa nova
(a canção solitária invade
as areias do litoral)

frágeis são as embarcações
partindo do cansado cais
fúria das marés abrindo lacerações
crucificação dos mártires gritos e ais

o navegador experimenta
rotas descritas nas cartas celestiais
os instrumentos modernos movimentam
levando ouro e sais

cantiga de roda cantais
nos seminários e quintais
abandonando o porto em velada calmaria
encontrando nos trópicos a antropofagia

invertendo a ordem da passagem
montando cenários de guerra
decifrando a mensagem
contida nas aberrações dessa terra

esquadra tombada no pontal
atalaias e outras paragens
o barco tão frágil punhal

mouros enfrentamentos
areia carregada pelo terral
abreviando tarde de expiação e arrependimentos.